Caso José Mayer: uma ‘reviravolta’ que não muda nada

Caso José Mayer: uma ‘reviravolta’ que não muda nada

Caso do passado não enfraquece em qualquer grau acusações sobre crimes previstos na Lei Maria da Penha

O colunista Leo Dias publicou em sua coluna no jornal O Dia, na última sexta-feira (28), uma informação que seria uma “reviravolta” no caso da denúncia de assédio da figurinista Su Tonani contra o ator José Mayer.

Segundo o texto, ambos já tiveram um relacionamento em tempos passados, nos quais ele era comprometido, mas ela não. Relata que chegavam juntos ao Projac no mesmo carro e ela guardava a chave do automóvel. E emenda: “Eles terminaram a relação e Su Tonani já estava envolvida com outra pessoa quando ocorreram as novas investidas do ator.” E que este seria o motivo de Tonani não ter prestado depoimento à polícia.

A assessoria de imprensa de José Mayer foi procurada por VEJA, mas não respondeu até a publicação desta nota. Su Tonani não foi encontrada e a TV Globo afirmou que não vai comentar as novas informações.

Nas redes sociais, Tonani vem sendo criticada depois da publicação – na maioria desses posts, internautas desmerecem sua denúncia.

Não faz sentido. Um caso do passado, extraconjugal ou monogâmico, não enfraquece em qualquer grau acusações sobre crimes previstos na Lei Maria da Penha. Ninguém está livre para tocar ou fazer insinuações a qualquer mulher por já ter tido, no passado, qualquer envolvimento com ela. Para a cacofonia da internet, porém, esta não parece uma obviedade.

Justiça libera manifestação de 1º de Maio, sem shows, na Paulista

Justiça libera manifestação de 1º de Maio, sem shows, na Paulista

Acordo judicial determinou a transferência das apresentações de artistas para a Praça da República

Um dia depois de o Tribunal de Justiça de São Paulo proibir a realização de ato em comemoração ao Dia do Trabalho na Avenida Paulista, a Central Única dos Trabalhadores (CUT) conseguiu, neste domingo, derrubar parcialmente a liminar.

Em audiência com a CUT e a prefeitura de São Paulo, o juiz Alexandre David Malfatti, decidiu que a central pode promover a manifestação política na Avenida Paulista, mas sem a realização de shows.  As apresentações de artistas foram transferidas para a Praça da República.

Segundo o advogado da CUT, Vinicius Cascone, “a decisão teve com base a isonomia”, já que outras entidades organizaram atos políticos no local.

No sábado, o juiz Emanuel Brandão Filho, que expediu a liminar proibindo a CUT de promover a manifestação, determinou multa de R$ 10 milhões caso a medida fosse desobedecia.

Embate

O acordo judicial encerra a disputa entre o prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB) e CUT, que durante toda a semana deram declarações contrárias sobre a realização do ato de celebração do 1º de Maio na Avenida Paulista, na próxima segunda-feira.

Dória disse na quinta-feira que o evento do Dia do Trabalho promovido pela central sindical estava proibido. Segundo a prefeitura, o show que estava previsto para acontecer em frente ao Museu de Arte de São Paulo (Masp), era o principal ponto de discórdia, já que a CUT não teria pedido autorização específica para as apresentações.

A CUT bateu de frente e afirmou que manteria o evento, que classificou como um dia de resistência contra as reformas trabalhista e da Previdência propostas pelo presidente Michel Temer. Segundo a central, o ato também irá celebrar os cem anos da histórica greve de 1917, “que durou três dias e paralisou a capital paulista por liberdade e aumento salarial, marcando os primeiros tempos de organização operária no Brasil”.

(com Agência Brasil)

INCOMPETÊNCIA DO GOVERNO MARCELO MIRANDA

STF autoriza nova fase da Lava-Jato e mira advogado ligado a Renan Calheiros

STF autoriza nova fase da Lava-Jato e mira advogado ligado a Renan Calheiros

Um dos mandados de busca e apreensão é contra o advogado Bruno Mendes

POR JAILTON DE CARVALHO

Luiz Edson Fachin passa atrás de Rodrigo Janot (procurador-geral) e Renan Calheiros (ex-presidente do Senado) para tomar posse como ministro do STF – Givaldo Barbosa / O Globo/Arquivo

BRASÍLIA – A Polícia Federal realiza na manhã desta sexta-feira uma nova fase da Lava-Jato autorizada pelo ministro relator da Lava-Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin. Um dos alvos de mandado de busca e apreensão é o advogado ligado ao senador Renan Calheiros (PMDB-AL), Bruno Mendes, em Brasília.

INFOGRÁFICO: As fases da Lava-Jato no STF

A operação dá continuidade à primeira ação com base na delação de executivos da Odebrecht, deflagrada em março e batizada de Satélites, onde também envolveu endereços ligados a Renan, ao presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), e os demais senadores Valdir Raupp (PMDB-RO) e Humberto Costa (PT-PE).(Perguntas e respostas: entenda a operação)

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/brasil/stf-autoriza-nova-fase-da-lava-jato-mira-advogado-ligado-renan-calheiros-21269797#ixzz4fSD26Nyy
© 1996 – 2017. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

O ‘palestrante’ Lula ganha até de Obama em cinismo

http://videos.abril.com.br/veja/id/d5fac195a6c7eed0071a1a8d6ae42262?autoplay=false&startoutput=360p&vast=%5Bhttp://pubads.g.doubleclick.net/gampad/ads?env=vp&gdfp_req=1&impl=s&output=xml_vast3&unviewed_position_start=1&iu=/9287/veja/tveja&sz=640×360&url=http://veja.abril.com.br/tveja/veja-bem/o-palestrante-lula-ganha-ate-de-obama-em-cinismo/&cust_params=keywords%3Dbrasil%2Ccorrupcao%2Ccrime%2Cdelacao%20odebrecht%2Cluiz%20inacio%20lula%20da%20silva%2Cmarcelo%20odebrecht%2Coperacao%20lava%20jato%2Cpt%20-%20partido%20dos%20trabalhadores%26editorias%3Dveja%20bem%2Cbrasil%2Cpolitica%26tags%3Dbrasil%2Ccorrupcao%2Ccrime%2Cdelacao%20odebrecht%2Cluiz%20inacio%20lula%20da%20silva%2Cmarcelo%20odebrecht%2Coperacao%20lava%20jato%2Cpt%20-%20partido%20dos%20trabalhadores%26nvg_gender%3D2%26nvg_age%3D4%26nvg_education%3D1%26nvg_marital%3D2%26nvg_income%3D1%26nvg_connection%3D35%26nvg_city%3D1000087%26nvg_region%3D31%26nvg_country%3DBR%26nvg_cluster%3D41%26nvg_custom%3D112799%2C112800%2C112801%2C112802%2C112804%2C112805%2C112806%2C102277%26nvg_interest%3D71%2C73%2C95%2C97%2C101%2C116%2C183%2C122%2C129%2C130%2C157%2C1%2C3%2C8%2C10%2C11%2C12%2C14%2C15%2C18%2C19%2C187%2C27%26nvg_industry%3D1234%2C1235%2C1236%2C1237%2C1231%2C1232%2C1233%2C1238%2C1239%2C1241%2C1240%2C1243%2C1242%2C1255%2C1253%2C1257%2C1258%2C1261%2C1260%2C1259%2C1263%2C1262%2C1264%2C1244%2C1246%2C1249%2C1248%2C1247%2C1252%2C1250%2C1251%2C1267%2C1266%2C1270%2C1269%2C1268%2C1274%2C1275%2C1276%2C1271%2C1281%2C1282%2C1278%2C1279%2C1277%26nvg_everybuyer%3D1234%2C1235%2C1236%2C1237%2C1231%2C1232%2C1233%2C1238%2C1239%2C1241%2C1240%2C1243%2C1242%2C1255%2C1253%2C1257%2C1258%2C1261%2C1260%2C1259%2C1263%2C1262%2C1264%2C1244%2C1246%2C1249%2C1248%2C1247%2C1252%2C1250%2C1251%2C1267%2C1266%2C1270%2C1269%2C1268%2C1274%2C1275%2C1276%2C1271%2C1281%2C1282%2C1278%2C1279%2C1277%26nvg_everyone%3D41%26tt_age%3Dundefined%26tt_equipment%3Dundefined%26tt_customaudiences%3Dundefined%26tt_gender%3Dundefined%26tt_microsegments%3Dundefined%26tt_profiles%3Dundefined%26tt_socialclass%3Dundefined%26tt_subjects%3Dundefined%26tt_team%3Dundefined%26url%3Dhttp%3A%2F%2Fveja.abril.com.br%2Ftveja%2Fveja-bem%2Fo-palestrante-lula-ganha-ate-de-obama-em-cinismo%2F%26&correlator=1493325978240#pre-roll%5D
VEJA Bem com Da Redação

O ‘palestrante’ Lula ganha até de Obama em cinismo

Acompanhe o ‘VEJA Bem’

access_time27 abr 2017, 15h06 – Atualizado em 27 abr 2017, 15h20
O colunista Felipe Moura Brasil faz uma edição especial sobre as palestras de Obama e Lula, mostrando as semelhanças dos ‘bons-vivants’ e as aparentes diferenças na esfera criminal, à luz das delações de Alexandrino Alencar, Marcelo e Emílio Odebrecht.

Coreia do Sul e EUA também realizam exercícios militares

Coreia do Sul e EUA também realizam exercícios militares

Os exercícios desta quarta fazem parte das simulações conjuntas que Seul e Washington fazem todos os anos

Forças da Coreia do Sul e dos Estados Unidos realizaram nesta quarta-feira um de seus maiores exercícios militares conjuntos já efetuados até então. Na terça-feira, a Coreia do Norte realizou seu próprio exercício de artilharia, elevando ainda mais a tensão na região.

Os exercícios desta quarta, desenvolvidos no condado de Pocheon, foram manobras previamente programadas que fazem parte das simulações conjuntas que Seul e Washington fazem a cada ano no território sul-coreano.

Participaram 30 helicópteros, 90 tanques e veículos blindados, 30 caças e cerca de 2.000 militares dos exercícios, que simulam uma resposta relâmpago a um ataque norte-coreano sobre postos de guarda da Coreia do Sul. Também foram implantadas várias unidades de lança-foguetes múltiplos M270 dos EUA, um temido lançador motorizado e blindado que disparou diversos mísseis durante estes jogos de guerra.

O exercício, que EUA e Coreia do Sul não realizavam desde 2015, acontece apenas um dia depois que o regime de Kim Jong-un comemorou o 85º aniversário de seu Exército com sua própria manobra nuclear.

China

Em meio à crescente tensão internacional envolvendo os programas nuclear e balístico da Coreia do Norte, a China lançou oficialmente na terça-feira seu segundo porta-aviões, construído totalmente nos estaleiros chineses, informou a agência oficial de notícias Nova China.

Serão necessários cerca de dois anos até que o novo porta-aviões esteja completamente equipado para realizar seus primeiros testes no mar, opinou a especialista em China do Instituto de Pesquisa Estratégica da Escola Militar francesa, Juliette Genevaz. O artefato militar terá propulsão convencional e não nuclear, e transportará principalmente os Shenyang J-15, o avião de combate da força aeronaval chinesa, segundo o ministério da Defesa.

A China já dispunha de um porta-aviões, o “Liaoning”, cujo casco foi fabricado na antiga União Soviética.

(Com EFE e AFP)

Marilon Barbosa solicita sinalização de estacionamento na Avenida Teotônio Segurado

Welcton de Oliveira, 25 de abril de 2017

 

O vereador Marilon Barbosa apresentou na manhã desta terça-feira, 25 de abril um requerimento de sua autoria que solicita à Secretaria de Secretaria Municipal de Infraestrutura, Serviços Públicos, Trânsito e Transporte, a sinalização do estacionamento na Avenida Teotônio em frente ao edifício Amazonas Center.

Na justificativa do requerimento, o parlamentar ressaltou que por falta de uma sinalização os veículos acabam estacionando de forma desordenada e com isso, diminui os espaços de vagas. “Este estacionamento possui um grande fluxo de veículos, por isso é fundamental que esteja com a sinalização adequada”, disse Marilon Barbosa.

Crédito da Foto: Welcton de Oliveira